Mastrini discute mídia e política na Argentina

08/04/2012 15:11

Autor dos livros “Sociedad de La Información em La Argentina” e “Mucho ruído, pocas leyes”, o argentino Guillermo Mastrini participa da 2ª edição do Bapijor para falar sobre os riscos, padrões e tabus que cercam a investigação jornalística de empresas e organizações – esta é a segunda mesa de discussões do seminário que acontece na terça-feira (17), a partir das 15 horas.

Mastrini, que é professor na Universidade de Buenos Aires e na Universidade Nacional de Quilmes, vem ao Bapijor trazendo sua experiência como destacado pesquisador sobre a realidade dos meios de comunicação argentinos e suas relações com a democracia e a sociedade. Em parceria com Martín Becerra – que participou da 1ª edição Seminário, no ano passado – publicou os livros “Los dueños de la palabra”, “Los monopólios de la Verdad” e “Periodistas y Magnates”, resultados de investigações sobre a concentração dos meios de comunicação na América Latina.

O Bapijor é uma promoção do Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (POSJOR) e do Observatório de Ética Jornalística (objETHOS), com patrocínio da Fapesc e PRAE/UFSC, e apoio da Abraji, Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina (SJSC), Fapeu e Departamento de Jornalismo da UFSC.

Mais informações em http://www.bapijor.ufsc.br

Voltar